Chave Ouro: Em jogo épico, Guarapuava vira sobre Umuarama e garante vaga na final


Mesmo jogando no sacrifício, Simi Saiotti (foto) marcou três vezes na vitória de 6x4 e garantiu a festa da torcida no Joaquinzão. 

Os mais de 2500 torcedores que compareceram ao ginásio Joaquim Prestes na noite deste sábado (dia 22), presenciaram um dos jogos mais emocionantes da temporada. Pela partida de volta das semifinais do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro, as equipes do Poker/Guarapuava Garden Shopping/Óleo Leve e do Umuarama Futsal protagonizaram um jogo muito disputado e cheio de alternativas. Depois de 40 minutos de um verdadeiro teste para cardíaco, os guarapuavanos venceram de virada, por 6x4, e garantiram a classificação para a final. Na decisão do estadual, o adversário do Poker será a equipe do Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel Futsal, que venceu, também de virada, o Cresol/Marreco Futsal, por 6x5.

O jogo

Mesmo antes do jogo começar, os nervos já estavam à flor da pele. Tanto que o técnico Baiano, do Guarapuava, precisou ser atendido pelos enfermeiros que estavam no ginásio. O treinador estava com a pressão alterada pelo nervosismo e teve que se ausentar da quadra por boa parte da primeira etapa.

Com a bola rolando, os donos da casa tentavam se impor. Aos dois minutos Diego Fávero acertou a trave do goleiro Ari, mas quem chegou primeiro ao gol foi o time de Umuarama: aos cinco minutos, Sol Sales dominou, venceu a marcação e bateu firme, no ângulo de Ale Falcone. Para piorar ainda mais a situação dos guarapuavanos, alguns segundos depois do tento de abertura, Jamur tentou sair driblando, mas Sol Sales roubou a bola e bateu na saída do goleiro, aumentando a vantagem para 2x0.

A equipe do Poker sentiu o 'baque' depois dos dois gols dos visitantes. O ala Jamur era o que mais transparecia a dificuldade, errando vários passes. Mas aos poucos, o time de Guarapuava foi voltando aos eixos e aos 12 minutos, Simi Saiotti (que era dúvida horas antes da partida) aproveitou uma bobeada da defesa adversária, fez o pivô e bateu sem chances para Ari: 2x1.

O gol mudou a cara do jogo. Diego Fávero deu lindo lençol no goleiro do Umuarama, mas a bola bateu no travessão. A pressão continuou até que, aos 13, Simi completou cobrança de escanteio para deixar tudo igual: 2x2.

O primeiro tempo ainda teria muita emoção. As duas equipes chegaram rapidamente à quinta falta, mas nenhuma ultrapassou o limite. Faltando quatro minutos para o fim da primeira etapa, Éder chutou e Ale Falcone aceitou, mas a arbitragem marcou saída de bola em lateral, antes da conclusão da jogada.

Empurrada pela torcida a equipe guarapuavana seguia mais ofensiva no final da primeira etapa. O ritmo continuou o mesmo no começo do segundo tempo, mas a bola só voltaria a entrar na meta adversária aos cinco minutos, novamente com Simi, que acertou o canto do goleiro Deivid, marcando pela terceira vez na noite: 3x2.

Com o revés, os visitantes se soltaram mais no ataque. Samuel teve uma grande chance, mas chutou por cima. Logo depois Schneider acertou o travessão. Aos nove minutos, finalmente o Umuarama conseguiu igualar o placar aproveitando falha de Ale Falcone, que tentou sair jogando, mas acabou deixando Éder livre para marcar: 3x3.

Aos 11 minutos o jogador Samuel, do Umuarama, foi advertido com o segundo cartão amarelo em foi expulso. Com um a mais em quadra, o Poker foi 'martelando' o gol adversário até que André Maluko marcou, deixando os donos da casa mais uma vez na frente: 4x3.

Nos minutos finais, Augusto entrou na posição de goleiro-linha e a pressão mudou de lado. Quando faltavam três minutos para o final, Sol Sales dominou, levou a defesa e bateu firme, com muita categoria para empatar o jogo em 4x4.

Como o placar da primeira partida também foi de empate (3x3) tudo indicava que haveria um terceiro jogo, para decidir a vaga. Mas as equipes foram ao ataque e, quando faltavam 44 segundos para o fim, o goleiro Ari subiu ao ataque para tentar o chute. O arqueiro perdeu a bola e fez falta, para evitar o gol do Guarapuava. O resultado foi a expulsão de Ari e tiro livre para os guarapuavanos.

Na cobrança, coube ao ala Jamur, se recuperar no jogo e marcar o quinto gol, abrindo o caminho para a classificação. Faltando 19 segundos para o final da padrtida, Ale Falcone lançou para o ataque e, com o gol desprotegido, Diego Fávero completou de carrinho, definindo o placar em 6x4.

Clique aqui para ver as fotos do jogo

Decisão

A grande final da Chave Ouro colocará frente a frente as equipes de Guarapuava e Cascavel, repetindo a final do ano de 2010, quando os guarapuavanos conquistaram seu único título estadual (o Cascavel vai em busca da sexta conquista). Também a exemplo de 2010, os guarapuavanos decidirão em casa a segunda partida da final, por terem feito a melhor campanha da fase classificatória.

A primeira partida da decisão será disputada no dia 29, no ginásio da Neva, em Cascavel. Nos próximos dias a FPFS deverá oficializar as datas e os horários das partidas finais.

FICHA TÉCNICA

POKER/GUARAPUAVA GARDEN SHOPPING/ÓLEO LEVE FUTSAL 6X4 UMUARAMA FUTSAL
Jogo de volta da semifinal do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro
Data: 22/11/2014 (20h30)
Local: Ginásio Municipal Prefeito Joaquim Prestes (Joaquinzão), em Guarapuava-PR
Público: 2559 pessoas

Árbitro 1: Flávio Marques (Londrina)
Árbitro 2: Cláudio Teixeira Lombardi (Palmas)
Anotador: Alexandre Albertoni Neto (Londrina)
Cronometrista: Sidnei Teixeira (Curitiba)
Representante: Antônio Carlos Abrão (Curitiba)

POKER/GUARAPUAVA GARDEN SHOPPING/ÓLEO LEVE FUTSAL
Começaram: Ele Falcone; Vitor, Diego Fávero, Danilo Baron e André Maluko
Entraram: Giovanni, PH, Simi Saiotti, Jamur, Adeírton e Felipinho
Técnico: Eduardo Pacheco Coelho (Baiano)

UMUARAMA FUTSAL
Começaram: Ari; Boni, Yuri, Eder e Pedro
Entraram: Sol Sales, Augusto, Schneider, Rodrigo, Samuel, Douglas, Deividi e Fuska
Técnico: Manoel Pasquale (Maneca)

Gols do Guarapuava: Simi (3 vezes), André Maluko, Jamur e Diego Fávero

Gols do Umuarama: Sol Sales (3 vezes) e Eder

Expulsões: Samuel (Umuarama) e Ari (Umuarama)

Chave Ouro: Guarapuava define relacionados para clássico marcado pelo equilíbrio


O Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal recebe no próximo sábado (22), a partir das 20h30, no Ginásio Joaquim Prestes, o Umuarama Futsal no segundo jogo das semifinais do Campeonato Paranaense Chave Ouro. No jogo de ida, empate em 3 gols. Com isto, quem vencer garante vaga nas finais da principal divisão do salonismo paranaense. Em caso de novo empate, teremos o terceiro jogo, que será disputado na quarta-feira (26).

EQUILÍBRIO

Um duelo de muita tradição no futsal paranaense e também de muito equilíbrio. em 22 jogos oficiais, incluindo o Paranaense e a Liga Futsal. Em jogos oficiais são sete vitórias para cada lado e oito empates. Os guarapuavanos marcaram 52 gols, enquanto os umuaramenses anotaram 54 tentos.

O primeiro jogo do Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal na Chave Ouro, em 2006, quando a equipe estreou na principal divisão do Estado, foi contra Umuarama, derrota por 8 a 1. A maior goleada da história do clássico.

UM HISTÓRICO DE DUELOS EM PLAYOFF'S

O segundo jogo playoff semifinal deste sábado (22) é mais um na história das equipes. O primeiro duelo foi em 2007, nas quartas-de-final, o time da Capital da Amizade, levou a melhor sobre os guarapuavanos, porém, em duelos bastante equilibrados, com vitórias nos dois jogos por 3 a 2 e 2 a 1, respectivamente.

Em 2009, as equipes viriam a novamente se encontrarem nas quartas-de-final. No primeiro jogo, em Umuarama, empate em 4 a 4. No segundo jogo em Guarapuava, o Umuarama venceu por 2 a 1, classificando-se para as semifinais.

2010, A VEZ GUARAPUAVANA NO CLÁSSICO

Em 2010, um duelo entre Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal x Umuarama, que para muitos torcedores do lado guarapuavano está entre os maiores jogos da história da equipe. Naquele ano, pela terceira fase do Campeonato Paranaense, em grupo com quatro equipes, os guarapuavanos, após um empate no primeiro turno da fase em 2 a 2 contra o Umuarama, chegaram a última rodada precisando vencer para avançarem às semifinais. Após estarem perdendo por 3 a 1, o Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal foi buscar a virada nos minutos finais, com PH marcando dois gols, na virada histórica, no jogo que ficou conhecido como a 'Batalha de Umuarama'.

A TEMPORADA 2014

Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal x Umuarama Futsal, fazem neste sábado (22), o sexto jogo no ano. Até o presente momento, a vantagem é totalmente guarapuavana. Na primeira fase da Chave Ouro, vitória por 5 a 2. Depois, na primeira fase da Liga Futsal, nova vitória, por 3 a 0. Novamente pela Liga Futsal 2014, na segunda fase da competição, vitória em Guarapuava por 4 a 3 e empate em Umuarama, em 3 a 3.

Na semana passada, no primeiro jogo do playoff semifinal, os guarapuavanos chegaram a abrir 3 a 0, cedendo o empate nos segundos finais, em um jogo emocionante.

UMUARAMA SEM PROBLEMAS

O Umuarama Futsal chega à Guarapuava sem problemas para a decisão. O treinador 'Maneca' não tem nenhum desfalque. A única ausência da equipe é o ala Madson, que já está afastado da equipe a alguns jogos e consequentemente da atual temporada, devido lesão no joelho.

A delegação da Capital da Amizade ficará hospedada no Hotel Cisne Branco, às margens da rodovia BR-277.

GUARAPUAVANOS PREPARADOS

Nesta sexta-feira (21), o Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal realizou treinamento em dois períodos. Em ambos, o treinador Eduardo 'Baiano' Pacheco comandou atividades técnicas e táticas.

O treinador não poderá contar com o ala Deivão, expulso em Umuarama. Simi Saiotti, também se tornou uma dúvida para o clássico. Além dos dois, Marquinhos e Biro seguem recuperando-se de lesões e também não enfrentam os umuaramenses.

Assim, os 14 'eleitos' para o jogo decisivo, são os goleiros Alê Falcone e Danilo; os fixos, Vitor, PH e Giovanni, os alas Harry, Felipinho, Adeirton, Jamur, Danilo Baron, Diego Fávero e Alan e os pivôs André Maluko e Simi Saiotti. A concentração da delegação guarapuavana para o clássico começa às 19h30, com os jogadores se apresentando no Hotel Kuster

Neste sábado (22), às 10h30, o Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal realiza o último treinamento coletivo antecedendo o jogo. "Concentração é a palavra-chave para este jogo. A equipe vem determinada; trabalhamos forte durante a semana. Sabemos que a torcida vai estar bastante empolgada, mas precisamos manter o foco, porque a vitória é um objetivo, então concentração é a ordem para este jogo", disse o goleiro Alê Falcone, com relação ao duelo.

Texto: Assessoria do CAD

Mercado: Nelsinho Bavier renova com o Marreco Futsal


Na manhã de sexta-feira, 21, o técnico Nelsinho Bavier e a diretoria do Cresol/Marreco Futsal chegaram a um acordo e o comandante vai seguir no cargo também na temporada 2015. O anúncio foi feito pela diretoria da equipe beltronense, que pretende manter a base de atletas para o próximo ano, indiferente do resultado de sábado, dia 22, no segundo confronto da semifinal da Série Ouro, contra o Cascavel Futsal, às 20 horas, no ginásio da Neva.

Nelsinho Bavier chegou em Francisco Beltrão em 2010, quando o Cresol/Marreco Futsal disputou pela primeira vez a Série Ouro. Naquele ano foi muito bem, terminou a primeira fase entre os quatro melhores, mesmo tendo uma equipe de baixo investimento. Em 2011, foi campeão da Taça Jorge Kudri e da divisão A dos Jogos Abertos do Paraná. Em 2012, o comandante foi para o futsal gaúcho e comandou por duas temporadas o Afusca, de Cachoeirinha. Mas agora em 2014 ele voltou para fazer história, colocando a equipe beltronense em uma semifinal inédita. O projeto para o ano que vem é montar um time para brigar pelo título da Série Ouro.

Mesmo com a renovação, o técnico beltronense, comissão técnica e jogadores, seguem focados para o jogo decisivo contra o Cascavel. No primeiro confronto, no Arrudão, houve um empate em 2 a 2. Quem vencer, passa para a final. Em caso de novo empate, haverá a terceira partida, que acontece também em Cascavel. Mas a equipe beltronense está confiante em uma vitória no segundo jogo.

Texto e foto: Adolfo Pegoraro (Esporte PR)

Chave Ouro: Cascavel tenta chegar à quinta final consecutiva


Neste sábado (22), o Ginásio da Neva será mais uma vez palco de uma grande decisão do futsal paranaense. Ginásio da Neva que é, sem dúvida, o que mais vezes foi palco de decisões de semifinais e finais da Chave Ouro.

Desde 2009 o Cascavel Futsal sempre chegou à semifinal da Chave Ouro, atingindo a final nos últimos 4 anos onde foi campeão duas vezes (2011 e 2012) e vice outras duas vezes (2010 e 2013).

Depois do empate em Francisco Beltrão, o jogo deste sábado poderá conhecer um finalista em caso de vitória de qualquer equipe, se o jogo ficar empatado, na quarta feira será o terceiro jogo também no Ginásio da Neva, jogando aí o Cascavel Futsal pela vantagem do empate.

O técnico Nei Victor, habituado a decisões, sabe da importância do  jogo: "Para mim é como se fosse a primeira semifinal. Vivo intensamente cada decisão, e este sábado vamos ter mais. Estamos trabalhando para poder fazer um grande jogo, só assim se consegue vencer. Temos de saber que o jogo tem 40 minutos, não podemos ser ansiosos, temos de ter responsabilidade no jogo, ser concentrados e determinado. O Marreco é uma equipe muito forte, muito bem orientada. Será um grande jogo de futsal, por isso a torcida é fundamental para empurrar o time para mais uma final. É o queremos e pelo que vamos lutar, mas precisamos de todos ajudando."

Tantas decisões na Neva, o que significa esse ginásio para você Nei Victor? "É a nossa casa. Aqui o Cascavel Futsal conseguiu os seus títulos. Aqui temos uma química muito boa com o torcedor. Ver a Neva lotada é uma emoção muito grande e queremos voltar a viver essa emoção neste sábado."

Texto: Assessoria do Cascavel Futsal.

Mercado: Copagril anuncia primeiros nomes para 2015


Três jogadores tiveram seus contratos renovados. 

Na manhã desta sexta-feira, dia 21, a equipe da Copagril/Sempre Vida/Penalty, de Marechal Cândido Rondon, confirmou três renovações de atletas para a temporada 2015: os alas Alvim e Parrel e o goleiro Dalton. Ainda existe a expectativa de que mais alguns jogadores da temporada de 2014 renovem com o clube, mas a a tendência é de que a grande maioria do elenco seja composto por novos jogadores.

Na semana passada, a Copagril apresentou uma lista de nove jogadores que foram liberados. Segundo informações de bastidores, outros jogadores (além dos nove) já estão negociando com outras equipes. Assim, a expectativa é de que, nos próximos dias, o time rondonense traga muitas novidades.

Além da renovação dos três atletas, o clube já oficializou a permanência do técnico Juninho, que comandou a equipe rondonense no último jogo pela Chave Ouro. O treinador segue trabalhando com o supervisor Eduardo Santana na montagem do novo elenco da Copagril.

Chave Ouro: Guarapuava e Cascavel tentam manter retrospectos para chegar à decisão


Umuarama e Marreco ainda não conseguiram vencer seus rivais na temporada de 2014. 

Se no próximo sábado (22) as equipes do Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel Futsal e do Poker/Guarapuava Garden Shopping/Óleo Leve sustentarem seus retrospectos sobre as equipes do Cresol/Marreco do e Umuarama Futsal, estas se qualificarão para a final do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro, repetindo a final do ano de 2010.

Nos jogos de ida da fase semifinal houve equilíbrio nos placares, com Marreco e Cascavel empatando em 2x2, na cidade de Francisco Beltrão e Umuarama e Guarapuava ficando no 3x3, no noroeste do estado. Com estes resultados, as equipes que vencerem os jogos deste sábado estarão na grande decisão da principal competição do salonismo paranaense. Se houver novos empates, serão disputadas partidas-extras, no dia 26 (nos mesmos locais dos jogos de volta e com os mandantes jogando coma vantagem do empate), para que sejam conhecidos os finalistas.

Assim, a missão de Marreco e Umuarama será complicada. Pois além de ter que vencer seus rivais fora de casa, as duas equipes tentarão quebrar a escrita, já que ambos não conseguiram superar os time de Cascavel e de Guarapuava nas partidas disputadas em 2014.

No clássico entre Guarapuava e Umuarama foram cinco jogos disputados (dois pela Chave Ouro e três pela Liga Futsal). Com três vitórias guarapuavanas (5x2, 3x0 e 4x3, todas no ginásio Joaquim Prestes) e dois empates pelo placar de 3x3 (os dois em Umuarama). As equipes, inclusive, fizeram um duelo emocionante na segunda fase da Liga Futsal, com os guarapuavanos se classificando para os playoffs apenas na rodada final e superando a equipe umuaramense.

Já o confronto entre Cascavel e Marreco aconteceu duas vezes neste ano. Na primeira fase do estadual, o Cascavel venceu em casa por 4x3. O segundo encontro foi justamente na primeira partida da semifinal, que terminou empatada em 2x2.

O mau retrospecto do Marreco nos jogos contra os cascavelenses é histórico: até hoje as equipes se encontraram oito vezes, com cinco vitórias do Cascavel, duas vitórias do Marreco e um empate. Os cascavelenses marcaram 28 gols e os beltronenses, 16.

Texto: Márcio Nei, com informações dos sites da FPFS, CBFS e EsportePR

Sábado de semifinais no Campeonato Paranaense de Futsal


Final de semana será decisivo nas Chaves Ouro, Prata e Bronze e Feminino.

Neste sábado (dia 22), serão disputados oito jogos pelo Campeonato Paranaense de Futsal. Todas as divisões adultas estão na fase semifinal, sendo que nas Chaves Prata e Bronze serão disputados os jogos de ida. Na Chave Ouro e no Feminino, a rodada será das partidas de volta, podendo definir os finalistas da competição.

No Feminino, se houver igualdade nos placares dos dois jogos, será disputada uma prorrogação de 5min x 5 min, com os mandantes jogando com a vantagem do empate no tempo-extra.

Já na Chave Ouro, as duas partidas de ida terminaram empatadas. Se os placares se repetirem, serão disputadas partidas estras para definir osfinalistas. Os jogos-desempates estão previstos para o dia 16 de novembro (se necessário).

Confira a programação de jogos deste sábado:

Chave Ouro (jogos de volta)

20h – Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel x Cresol/Marreco Futsal (Neva, em Cascavel)
Resultado do primeiro jogo: empate
20h30 – Poker/Guarapuava Shopping/Óleo Leve x Umuarama Futsal (Joaquinzão, em Guarapuava)
Resultado do primeiro jogo: empate

Chave Prata (Jogos de ida)

20h30 – Concrevalle/Dois Vizinhos x Caramuru Futsal/Lojas MM (Teodorico Guimarães)
20h30 – Unifil/EaD/Assaí Futsal x Itaipulândia Futsal (Paulão)

Chave Prata (Jogos de ida)

20h – Assifusa/Anila/Irati x Siqueira Campos/Pro Tork Futsal (Batatão)
20h30 – Salto do Lontra x ADM Engenharia/Toledo Futsal (Vermelhão)

Feminino (jogos de volta)

18h – Telêmaco Borba x AGFF/Guairacá/Guarapuava (Heitor Alencar Furtado)
Resultado do primeiro jogo: empate
20h - CAFE/Futsal Cianorte x Londrina Futsal/Iate Clube (Tancredo Neves)
Resultado do primeiro jogo: vitória de Cianorte

Foto: Jornal do Oeste

Chave Ouro: Marreco terá torcedores em Cascavel


Devido à grande procura de torcedores que estavam com intenção de assistir ao jogo de volta da semifinal da Série Ouro em Cascavel, a diretoria do Cresol/Marreco Futsal colocou um ônibus com 50 lugares à disposição dos beltronenses.

Por se tratar de um jogo decisivo, a diretoria entende que o torcedor terá papel fundamental para que a equipe consiga a vitória e, consequentemente, a vaga para a final da competição.

A viagem será subsidiada pelo Marreco e, portanto, o torcedor vai pagar apenas R$ 30,00, incluindo a viagem e o ingresso. Mas são vagas limitadas e a saída, sábado, dia 22, é às 15h30, em frente ao Arrudão.
“É uma forma de incentivar o torcedor a apoiar a equipe. A gente sabe que a torcida teve papel fundamenal no primeiro confronto”, comenta o supervisor do Cresol/Marreco Futsal, Cleder de Moura.

O ginásio da Neva deve estar lotado no sábado. Muitos beltronenses também irão de carro, mas vão pagar R$ 20,00 de ingresso.

No primeiro confronto, em Francisco Beltrão, as duas equipes empataram em 2 a 2. Quem vencer o segundo jogo vai para a final. Em caso de novo empate, haverá a terceira partida, também em Cascavel.

Fonte: Adolfo Pegoraro (EsportePR)

Chave Ouro: Em ritmo de decisão, Guarapuava segue se preparando para o clássico


O Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal completou nessa terça-feira (18), seu segundo dia de preparação visando o clássico do próximo sábado (22), contra o Umuarama, pelo segundo jogo do playoff semifinal do Campeonato Paranaense Chave Ouro 2014, a partir das 20h30 no Ginásio Joaquim Prestes. No primeiro jogo, disputado na última sexta-feira (14), tivemos um empate em 3 gols. Com este resultado, a decisão da vaga para a final da divisão de elite do futsal estadual, segue em aberto e quem vencer avança às finais. Em caso de novo empate, haverá um terceiro jogo, também em Guarapuava.

Pela manhã, o elenco guarapuavano fez atividades físicas comandados pelo preparador físico, Nero Andrade. No período da tarde, o grupo fez as primeiras atividades com bola da semana, já sob as ordens do treinador Eduardo 'Baiano' Pacheco, que comandou trabalhos técnicos e táticos. O foco no espaço reduzido e na saída rápida da transição defesa-ataque segue sendo muito trabalhado pelo treinador.

"Creio que o Umuarama também vai vir jogando para cima, buscando a vitória, pois o empate também não classifica eles. Mas a gente trabalhou a questão de condicionamento, de complemento da preparação física, de trabalhar em espaços curtos, de ter uma aproximação maior de um jogador com outro. E a partir desta quarta-feira, a gente começa a intensificar mais o trabalho, dentro das características dos adversários", disse o treinador Baiano.

Nesta quarta-feira (19), o Poker Guarapuava Garden Shopping Óleo Leve Futsal faz treinamento em dois períodos: manhã, a partir das 10 horas e a tarde, a partir das 16 horas.

Ingressos

Os ingressos para o clássico da semifinal, contra o Umuarama Futsal encontram-se disponíveis nos seguintes pontos de venda: Farmácia Trajano Matriz (Rua Saldanha Marinho, 1888, Centro); Farmácia Trajano Bonsucesso (Avenida Manoel Ribas, 3762, Bonsucesso); Farmácia Trajano Santa Cruz (Rua Saldanha Marinho, 998, Santa Cruz); Farmácia Trajano Santa Paula (Rua XV de Novembro, 5720, Centro, em frente Magazine Luiza), Luke Moto Peças (Avenida Moacir Julio Silvestri, 818, Bairro dos Estados), no Posto Wouk (rua XV de Novembro, 6493 – Alto Xv), na Reptec Informática (Benjamin Constant, 668 – Centro; praça Cleve) e no Ginásio Joaquim Prestes.

O valor das entradas é de R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia-entrada). Lembrando que estudantes (com documentação comprovando que estão estudando no ano de 2014), idosos (acima de 60 anos), doadores de sangue (com carteirinha) e mulheres, têm direito à meia-entrada.

Fonte: Assessoria de Imprensa do CAD

Chave Ourio: Cascavel aposta na força do grupo para superar o Marreco


Neste sábado o Ginásio da Neva será palco de um confronto eletrizante, valendo a vaga na final da Chave Ouro. Depois do empate em Francisco Beltrão tudo está em aberto para um grande jogo de Futsal, o Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel Futsal trabalha forte e conta com a força do coletivo.

Pela Chave Ouro os Cascavelenses jogaram 23 jogos, com 14 vitórias, 5 empates e 4 derrotas. Nestes 23 jogos jogos a equipe marcou 73 gols e sofreu 48, a artilharia está muito dividida, Arrepiu com 12 gols é quem balançou mais vezes as redes dos adversários, Jaison e Pirulito com 9 gols cada e Caça e Guilherme com 8 são os maiores artilheiros do time.

Arrepio fala dos gols: "Somos uma equipe que faz do grupo a sua força, o importante é conseguirmos os objetivos coletivos, o individual tem de estar ao serviço do coletivo,  já ganhamos este ano com um gol do Donny, quem marca é pouco importante, o que interessa é o foco do time e assim vamos trabalhar este sábado, sabendo que teremos um jogo muito difícil, para nós é encarado como uma final e vamos ter de estar muito bem para conseguirmos a vitória, precisamos muito do apoio do nosso torcedor, de vermos a Neva lotada, ninguém pode faltar."

Os ingressos antecipados estão sendo vendidos no Muffatão da Neva, West Side e Cancelli, com os seguintes valores:

INTEIRO: R$ 20,00
MEIO - R$ 10,00

Texto e foto: Assessoria do Cascavel.

Ampere Futsal forma conselho gestor e inicia projeto de 2015


Na última terça-feira, dia 18, a diretoria da Adesa (Associação Desportiva de Ampere) se reuniu com alguns empresários da cidade e formaram o Conselho Gestor do Ampere Futsal. O grupo é formado, inicialmente, por 12 pessoas que derem início ao projeto de 2015, visando a disputa da Chave Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal.

- Muitas arestas ainda terão que ser aparadas, mas o torcedor pode ficar tranquilo, pois tudo indica que o Ampere Futsal estará novamente disputando a Chave Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal. E mais forte do que nunca - publicou a diretoria do clube, por meio das redes sociais.

Segundo a diretoria, neste quinta-feira (dia 20), o conselho gestor iniciará o processo de captação de recursos e depois será montado o elenco. Os valores devem ser mais modestos do que em 2014, mas nem por isso a equipe será mais fraca.

Ainda segundo a nota do clube, outro objetivo é o de não cometer os mesmos erros da última temporada e que o clube fique sempre com o caixa em dia. Para isso, o time de Ampere deverá realizar diversas promoções no decorrer da temporada de 2015.

Chave Ouro: Banana, do Marreco Futsal, comemora artilharia do campeonato


José Roberto Robim, 30 anos, o Banana, é o novo artilheiro da Série Ouro com 17 gols. Na sexta-feira, 14, ele marcou o primeiro gol no empate em 2 a 2 entre Cresol/Marreco Futsal e Cascavel, pelo primeiro confronto da semifinal da competição estadual. Com esse feito, ele deixa seus concorrentes para trás. Barbosinha, também do Marreco, e Sidnei Ribeiro, ex-Ampere Futsal e hoje na República Tcheca, têm 16 gols cada.

O pivô Banana está vivendo o melhor momento em sua carreira. Aos poucos ele mostra o seu faro de gol e o seu poder decisivo com a camisa do Cresol/Marreco Futsal. "Estou muito feliz aqui, é o melhor momento profissional da minha vida. Estou conseguindo ajudar a equipe em um momento tão importante. Tivemos um primeiro jogo difícil, mas temos condições de buscar a vitória fora de casa", avalia o goleador, que é natural de Pompeia (SP).

Ano difícil 

A temporada de 2013 foi a mais difícil da carreira de Banana. No começo do ano, ele chegou a ficar seis meses desempregado. Mesmo tendo um grande nível técnico, ele ficou sem atuar por meio ano. Mas o técnico Jorge Lecian, o Jorjão, que o conhecia dos tempos de Campo Mourão, o levou para jogar em Videira (SC), onde conseguiu pegar o ritmo de jogo novamente.

Mas o sacrifício do ano passado foi recompensado em 2014. "Tomei vários nãos de times, mas em momento nenhum pensei em desistir. Sabia que ia dar a volta por cima", afirma o jogador.

Início da carreira 

Banana começou a sua carreira em 2001, no Yara Clube, de Marília (SP). Depois, jogou o Paranaense Juvenil por Maringá. Disputou também a Taça Brasil Juvenil em 2002. No ano seguinte, ele voltou para o Yara Clube. Em 2004, Banana foi para o Garça (SP) e ficou na equipe por sete anos e sete meses, de 2004 a 2010. Em 2011, o jogador foi para o Anápolis (GO) para jogar a Liga Nacional de Futsal. Na metade de 2011, acertou com o São Miguel do Iguaçu. No ano seguinte, atuou no Campo Mourão e depois foi para o Caça e Tiro, de Lages (SC). E no ano passado, depois de ficar seis meses sem clube, acertou com o Videira (SC).

Texto e foto: Adolfo Pegoraro (Esporte PR)

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | cna certification